terça-feira, 30 de setembro de 2014

"Sentimentos não são regidos por megabytes por segundo, não se vinculam a relógios, não obedecem a leis objetivas - é o curso da natureza que manda. E a natureza é surda e cega para o desatino. Exige a introspecção devida, sem a qual nada se resolve, só se mascara.
Diante da dor emocional, só há uma ordem a respeitar: paciência. De nada adianta inventar alegrias fajutas e se oferecer para a cobiça do mundo sem antes estar com a alma serenada e forte. É preciso saber esperar, do contrário a gente se atrapalha e só reforça a miséria existencial que preenche as madrugadas.

[Martha Medeiros]

"Você é culpado pela sua infelicidade. Pela sua felicidade. Pelo que você faz e recebe da vida. Decorou? Então tome nota. O que você plantou, estará na sua mesa. Não é fácil, eu sei. E eu digo isso porque preciso acordar. Eu não posso dizer que ele me decepcionou. Eu não tenho o direito de achar que meu coração tem duzentos e cinqüenta e cinco cicatrizes porque o amor é uma faca afiada que corta. Vamos jogar aberto. A culpa é minha. Eu dei meu coração. Eu criei expectativas. Então, com sua licença. A culpa é minha. "

[Fernanda Mello in Princesa de Rua]

A vida parece mesmo ser dividida em três fases: questionar, aceitar e agradecer. Ainda não vivenciei todas, mas sinto, dia após dia, tudo se encaminhar assim. É como se a lucidez viesse bem de mansinho pra não assustar, pra tudo ser compreendido de forma realmente determinante. 

É verdade que somos feitos de urgências, mas o sentido das coisas mora mesmo é na calmaria.

[Fernanda Gaona]

"Depois, o calendário mudou de página, agradeci. Aprendi que, cada pessoa que dança valsa no baile da minha vida, é um mestre que escreve, a giz, na folha da minha eternidade. Eu não culpo as pessoas que preferiram mudar de vagão. Eu as liberto de qualquer acusação. A vida é feita de escolhas e de laços, não de amarras nem de nós." 

[Cris Carvalho]

"Abra o coração. Estique o sorriso. Caminhe de mãos dadas. Enrole os braços em alguém. Coloque o coração pra perdoar. Diga palavras felizes ao acordar. Chore toda mágoa. Chore o mar inteiro. Balance uma criança. Quando se pensa no futuro portas devem ser abertas por dentro, ficar brilhante. Hoje não é dia de arrumar as memórias. Hoje é o dia de começar de novo. Sonhar de novo."
[Vanessa Leonardi]

A prece maior é ser generoso com o vizinho. É estampar um sorriso no rosto. É falar a verdade toda vida. É ser caridoso. É ser fiel com os amigos. É estar do lado do bem. É cantar pruma criança dormir. É brincar com elas numa tarde grande. É saber que Deus mora em cada pequena coisa com toda sua grandiosidade. É espalhar amor em doses de chuvaradas por aí. 

A prece maior se encontra num abraço, numa conversa jogada fora num dia de domingo. Numa palavra que salva, que enriquece, que abençoa. Num conselho que transforma a vida de alguém. Num olhar carinhoso. Numa mão que ampara, que acolhe, que semeia.

A prece maior se encontra onde há esperança, onde mora a palavra AMOR. A prece maior se encontra onde há recomeços, onde há dias recheados de paciência e tolerância. Onde há uma história comprida com gente bonita morando dentro. A prece maior se encontra no que não se acaba, no que permanece, apesar dos pesares todos.

A prece maior é ser feliz por nada. É agradecer por tão pouco. É amar até quem não nos ama. É respeitar os limites, os medos, as diferenças. É perdoar as ofensas, os erros, os espinhos. É ter os olhos voltados para o sol. É ter o coração tranquilo. É levar uma semente de esperança onde a flor da vida já secou faz tempo.

A prece maior a gente não faz ajoelhado, a gente faz é sorrindo.

[Cris Carvalho]

Coragem não é ser forte,veja bem. Coragem é uma forma de desprender o sonho da vida. Não deixa de ser uma estratégia para andar com mais leveza. Equilibrio. Dia por dia, ano por ano, a gente cai e levanta, limpa a poeira da roupa, limpa o choro do rosto. Solta o coração na rua e prende o suspiro no peito. Vai apurando a fé pra tornar-se uma pessoa mais generosa consigo mesma. Toda queda ou salto vale como experiência pra grande oportunidade de estarmos aqui. Tempo é ouro, aprendi, não dá pra desperdiçar assim, de qualquer jeito.
Coragem no final das contas é envolver-se. ‘Coragem às vezes é desapego’.
Coragem é olhar pro espeho no fim do dia e perguntar: – Será que a gente tomou a decisão certa?
E a resposta vir com o um sorriso, da mesma pessoa, essa de frente pro espelho. E lembrar-se do momento que espantou o tédio com um sorriso e desculpou-se com um abraço. Que disse coisas interessantes com o olhar, porque aprendeu que silêncios falam mais alto. Que chegou em um lugar que sempre foi o ‘lá’ que queria estar, e gostar muito disso. Responder que foi um dia rico, que você tornou-se uma pessoa mais rica, mais rica de amor. Tenha coragem de se olhar no espelho e conseguir agradecer pelo que vê. Todo dia

[Vanessa Leonardi]
*em itálico, frase de Ana Jácomo

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

"Existem tantas maneiras de ser corajoso neste mundo. Às vezes, coragem significa abrir mão da sua vida por algo maior do que você ou por outra pessoa. 
Às vezes, significa abrir mão de tudo o que você conhece, ou de todos os que você jamais amou, por algo maior.
Mas, às vezes, não.
Às vezes, significa apenas encarar a sua dor e o trabalho árduo do dia a dia e caminhar devagar em direção a uma vida melhor.
Esse é o tipo de coragem que preciso ter agora."

[Veronica Roth in Convergente]
Img: Shailene Woodley in Divergente

"Que as atitudes renovem o poder das palavras. 
E que a palavra volte a ser novamente atitude."

 [Fabrício Carpinejar]

"[...] Eu lembro, amor. De tudo, cada passo que a gente deu para as diversas direções que já fomos. Lembro das brigas também. Lembro de pensar que o amor é perfeito, que bobeira, o amor é pura imperfeição. Perfeitos só os casais do comercial da Becel (sem sal)... Lembro de já ter ficado triste por te deixar triste. Lembro de me sentir mal com isso. Lembro dos momentos em que a gente foi bobo e feliz. Lembro que sou feliz a maior parte do tempo, pelo simples fato de você existir em mim. Lembro de descobrir que um sentimento não serve para ser dito, como coisa que fica bem em filme ou texto, ele tem que ser vivido de forma plena. Lembro de não conseguir me permitir sentir tanta felicidade assim. Lembro da tua mão, que sempre acha a minha. Lembro dos teus dedos, que sempre me fazem carinho. Lembro da tua boca, que sempre me acalma. Lembro do teu rosto de menino, que me olha como se ainda fosse aquela primeira vez. Lembro de cada coisa que descubro, manias, gestos, pensamentos."

[Clarissa Corrêa]

"As pessoas são responsáveis e inocentes em relação ao que acontece com elas, sendo autoras de boa parte de suas escolhas e omissões. Porque entre o sim e o não é só um sopro, entre o bom e o mau apenas um pensamento, entre a vida e a morte só um leve sacudir de panos - e a poeira do tempo, com todo o tempo que eu perdi, tudo recobre, tudo apaga, tudo torna simples e tão indiferente. [...] Voz que nunca desiste, na mais negra das águas da mais longa das noites. De algum secreto lugar me vem a força para erguer a xícara, acender o cigarro, até sorrir quando alguém me diz: Você hoje está com a cara ótima, quando penso se não doeria menos jogar-me de um décimo primeiro andar." 

[Lya Luft]

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

"A esperança é uma arma poderosa 
e nenhum poder no mundo pode te privar dela." 

[Nelson Mandela]

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

O amor é uma loucura temporária. Irrompe como um terremoto e depois se desvanece. E quando se desvanece, há que tomar uma decisão. Há que decidir se as vossas raízes se tornaram tão entrelaçadas a ponto de ser inconcebível que alguma vez pudessem estar separadas. Porque é isso que o amor é. Amor não é ficar sem respiração, não é excitação, não é a promulgação de promessas de paixão eterna. Isso é apenas o “estar apaixonado” com que qualquer um de nós se pode iludir.
O amor propriamente dito é o que sobra quando o estar apaixonado se extinguiu, e isso é tanto uma arte como um acidente feliz. Tínhamos raízes que cresciam em direção uma à outra nas profundezas da terra… e quando todas as belas flores finalmente caíram dos nossos ramos para o chão, percebemos que éramos apenas uma árvore, ao invés de duas.

[St. Augustine - Capitão Corelli]

"Vem de longe, vem no escuro, brota que nem mato que dispensa cuidado e cresce com a mais remota chuva. Vem de dentro e fundo e com urgência. Amor vem de amor. Que não cabe, mas assim mesmo a gente guarda. A gente empurra, dobra, faz força, deixa amassado num canto, no peito, no escuro, dentro, ou larga pegando sereno. Amor vem de amor. Vem do pedaço mais feio, do mais sem palavra, do triste, vem de mãos estendidas. É tecido desfeito pelo tempo, amarelecido pelo tempo, pelo cheiro da gaveta fechada, pelo riscado do sol na madeira. Amor vem de amor. Vem de coisa que arrebata, vira chão, terra, cisco, resto, rastro, coisa para sempre varrida. É delicadeza viva forte violenta. Que faz doer, partir, deixar caído. Amor vem de amor. E dói bonito! Cheio de sabor."

[Guimarães Rosa]
Img: Virginia Cavendish in Lisbela e o Prisioneiro


Quote: "Bem, como  você pode ver, eu
sobrevivi sem você."

Desculpa eu não te querer mais 
logo agora que a vida está sendo doce comigo.
Tem coisas suas que não 
cabem na minha alegria como, por exemplo,
tuas feridas tão antigas e as 
curas que eu fazia pra te consertar pro mundo,
mas continuar com minhas mãos vazias.
Desculpa eu desobedecer a demanda da tua angústia.
Eu não quero mais ouvir, 
naquela passividade profunda de amante, tuas lamúrias,
tuas escolhas equivocadas, teu emocional sempre tão confuso.
Eu só quero celebrar as minhas 
flores de dentro da forma mais adequada.

- Eu não tenho mais tempo 
para ser aquela pessoa certa na tua hora errada.

[Marla de Queiroz]
 Img: Leighton Meester in Gossip Gilr

;;
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sentimentos Soltos

Template by:
Free Blog Templates