quarta-feira, 19 de junho de 2013

O que você quer ser?

Esperou ansiosamente a hora de crescer. Ouvia dos outros: “o que você quer ser?”, e já tinha a resposta na ponta da língua. Só faltava mesmo a tal hora chegar. Aquele momento em que você tem o controle da sua vida em mãos e aperta o play pra dar início a tudo aquilo que planejou. Fez o check em cada sonho, recapitulou um por um. Sabia de cor e salteado. De cabo a rabo. Nada poderia dar errado.

Era da turma dos ansiosos. Aquela galerinha que torce para o tempo parar passar. Perguntavam sua idade e a resposta começava sempre com sua palavra favorita: “vou”.

- Vou fazer 15.
- Vou fazer 20.

Estava sempre indo um pouco antes da hora.

Mas de nada adiantou a pressa. Os anos passaram e o filme não seguiu o roteiro já escrito. Veio então a primeira cena diferente, o segundo take adaptado.

- Quem mudou o meu cenário?
- Essa história não é a minha.
- É?!?

Quando viu já estava no meio do caminho. Era meio da tarde. Ela meio confusa. Nenhum pensamento inteiro. Justo ela que odiava metades. Que era maníaca por preencher seus vazios. Que tinha TOC com horas vagas. Não sabia o que fazer com a lacuna deixada pelos projetos que não se cumpriram. Não tinha a menor ideia do que fazer com uma história construída pela rotina, não por seus desejos.

Sentia que era preciso se desprender do irreal para ter paz no palpável. E entender de uma vez por todas que nem sempre as vontades sobrevivem naquele famoso filme chamado realidade.

E concluir, antes que terminem a pergunta novamente.

“O que você quer...?”

...Me basta ser!

[Fernanda Gaona]

5 sentimentos:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sentimentos Soltos

Template by:
Free Blog Templates